Decifrando Etiquetas

Imagem

 

Etiqueta 1

Oi organizzados!

Faz um tempão que queria fazer esse post, mas por qualquer que seja razão, acabava sempre postando sobre outros assuntos. Mas hoje não escapa e  conversaremos um pouquinho sobre etiquetas. Afinal de contas, todo mundo sempre acaba tendo uma ou duas dúvidas.

A ideia não é decorar os vários tipos de desenhos, mas entender a lógica adotada pelos fabricantes. Assim, sempre que tiver dúvida sobre como lavar, secar e passar uma peça de roupa é só conferir rapidinho a etiqueta.

Achei essa foto e ela funciona muito bem para a forma como gosto de explicar cada desenho.

etiqueta 4

Linha 1Balde com água. Esse desenho é para ilustrar que sua peça de roupa pode ser lavada com água. Os pontinhos representam a temperatura máxima que a pela aguenta. Quanto mais pontinhos mais quente a água pode ser. Já os traços em baixo representam o quão delicada é a roupa. Então é preciso se ligar na hora de colocar na máquina. Se o desenho tiver uma mãozinha significa que sua peça só deve ser lavada à mão. O X indica que a peça não pode ser lavada com água, tem que ser lavada à seco.

Linha 2 – Quadrado com círculo significa que sua peça pode ser seca na máquina. Como na hora de lavar os pontinho indicam a temperatura máxima de calor que a peça aguenta. Se o círculo estiver todo pintado não pode receber calor. Os tracinhos também indicam a delicadeza da peça. Quanto mais delicada, menos calor  deve receber.

etiqueta 4

Linha 3 – Já o quadrado indica que a peça deve ser seca fora da máquina. O desenho “hang to dry” – pendurar no varal e secar. O “drip to dry” – escorrer um pouco antes de botar pra secar. Já o “dry flar”, significa que deve ser secado deitado, na horizontal. O “dry in shade” – a peça deve ser secada à sombra. Se você pensar um pouco verá que os desenhos tem super a ver. O X siginifica que a peça não pode ser seca e o desenho do bombom (uma peça torcida) com X significa que a peça não pode ser torcida antes de ser botada para secar.

Linha 4 – Esse é bem obvio, certo?! O ferro com seus pontinhos indicam o quanto de calor a peça aguenta. Mais pontinhos, mais calor. O X significa que não pode ser passado ferro ou que não se pode usar vapor.

etiqueta 4

Linha 5 – O triângulo representa o uso de alvejante. Se tiver um X você já sabe que não pode usar alvejante. Existem apenas 2 tipos de alvejantes os com base de cloro (CL água sanitária) e os com base em água oxigenada, indicados para roupas coloridas (Vanish).

Linha 6 – São para indicar que a peça deve ser lavada à seco. Não se preocupe com esses símbolos, quem precisa sabe-los direitinho é a lavanderia especializada em lavagem à seco.

Importante saber que esses desenhos se complementam e pode ter pequenas variações, dependendo do fabricante. O importante é entender a lógica!

Que tal um desafio? Pense agora. Como você deveria lavar, secar e passar a peça dessa etiqueta?

etiqueta 2

Espero que tenha sido esclarecedor para vocês. Qualquer dúvida é só deixar aqui nos comentários. 

Share Button

Você sabia que o cabide errado pode danificar sua roupa para sempre?

Imagem

Novo vídeo do TV Organizze mostrando 5 tipos de cabides, seus pros e contras. Aperte o play e confira as dicas. 

Gostou? Curte nosso canal no YouTube e receba mais vídeos. TV Organizze!!!!

Share Button

Como evitar perder dentro de casa carteira, celular e chaves.

Imagem

Oi gente, tudo bem com vocês?

Por mais que a gente se esforce certos hábitos não mudam. Já tentei muito com meu marido, mas ao chegar a casa (ou qualquer lugar), a primeira coisa que ele faz é tirar a carteira do bolso e colocá-la junto com a chave sobre a mesa. Às vezes ele muda, deixa em cima do sofá, da mesinha de centro, ou de qualquer outro lugar, muitas vezes nada óbvio.

Hoje aprendi, mas antes era algo que me deixava meio brava. Sempre na hora de sair de casa rolava uma brincadeira de “caça ao tesouro/carteira”. Perdi as contas de quantas vezes essa carteira ficou no escritório, na casa dos meus pais ou perdida em casa, mesmo.

unit013a

Resolvi a questão criando o cantinho da carteira. Aqui em casa é um vaso branco que fica na mesinha de canto logo na entrada do apartamento. No começo ele não tinha o hábito de deixar lá, mas eu simplesmente catava do local onde ele tinha deixado e botava dentro do vaso. Quando ele ia sair que procurava ou perguntava onde estava, achava rapidinho quando eu gritava “vaso branco”.  Com o tempo, ele passou a deixar lá e depois de repetir, repetir e repetir a mesma coisa tantas vezes criou o hábito.

Moral da história… Se você quer as coisas organizadas, dê uma ajudinha aos bagunceiros. Já que ele não conseguia criar o hábito sozinho, eu dei um empurrãozinho.

Você também pode criar na entrada da sua casa um cantinho para algo que vive perdendo, como carteira, chave e até celular. Você pode instalar uma mini prateleira, colocar um organizador de chaves ou até utilizar uma caixa bonita para tal função em cima da mesa.

organizador-home-gero-porta-chaves-trekos-branco-1448657733.26.214x311

Tenho certeza que muita gente se identificou com o post… Orelhas de maridos coçando!

um beijo e até próxima semana. 

Share Button

Como organizar apartamentos pequenos

Imagem

Mesmo que você não tenha parado para analisar as razões, sabe que os imóveis de hoje são bem menores e mais caros dos que os de 20 ou 30 anos atrás. Mudanças demográficas e de estilo de vida da sociedade, bem como o acesso ao crédito foram alguns dos motivos que levaram a esses novos perfis de construção.

É ai que entra o problema. Como guardar e organizar tudo que temos (compramos e consumimos cada vez mais) em apartamentos menores?

Não é tarefa fácil. Mas com pequenas mudanças de hábitos, um pouco de criatividade e alguns organizadores é possível deixar tudo em ordem.

A Organizze Consultoria traz hoje 5 dicas para ajudar quem está nessa situação.

1- Mudança de Hábito. Pense 3 vezes antes de comprar a próxima peça de roupa, sapato, bolsa, e etc. Se ainda sim resolver adquirir adote a regra “entra um, sai um”. Para entrar uma nova blusa, uma antiga tem que sair.

2- Móveis Planejados. Desenvolver junto com um especialista um móvel para sua sala, cozinha, quarto e escritório é a garantia de que esse atenderá as suas necessidades muito melhor do que outro comprado pronto.

3- Utilize as Paredes.

3.1 Cozinha – Você pode guardar muitos objetos da cozinha nas paredes. Placas magnéticas para facas, tesoura e abridores; suporte com ganchos para utensílios; porta rolos para papel toalha, alumínio e filme; e um organizador de parede para temperos.

cozinha 1

3.2 Quarto – A parede do quarto pode ser um excelente local para guardar colares e pulseiras. Além de deixar tudo visível (você lembrará exatamente o que tem e usará muito mais), libera espaço para outras coisas.

colares

3.3 Banheiro – Quem tem banheiro pequeno deve usar e abusar de prateleiras estreitas com limitador (barra de proteção). Com isso, é possível livrar a bancada e assegurar que o que está guardado não cairá.

4- Use e Abuse de Caixas. Caixas são ótimos locais para guardar kit costura, remédios, fios, cabos, pilhas e outras miudezas que acabamos sempre tendo em casa. O importante é categorizar e nomear o conteúdo de cada uma. Dessa forma, não haverá problemas para encontrar nada.

caixa 1

5- Sacos a vácuo. Utilizar sacos a vácuo para guardar roupas de frio e edredons é uma forma de economizar espaço nos armários e ainda manter tudo longe de insetos e poeira, pronto para ser usado.

sacos a vacuo 1

Vamos organizar?

Precisando de ajuda é só pedir!

Share Button

Como saber se uma travessa de louça ou pote de vidro podem ir ao forno?

Imagem

Oi gente organizzada!

Vamos retomar os posts sobre organização?! Gerenciar uma empresa, prestar consultoria, tomar conta de redes sociais, gravar e editar vídeos e escrever textos para blog, está tomando cada vez mais meu tempo. Mas assumi um compromisso comigo e com vocês leitores. Por isso, prometo que teremos toda semana ou a cada 15 dias um post novo aqui no blog.

E para começar vamos nos aprofundar  em algo que teve muito repercussão semana passada quando postei uma foto no IG e no Face da Organizze mostrando como saber se uma travessa de louça pode ou não ir ao forno.

Além de trazer mais fotos mostrando as diferenças entre a louça que pode ir ao forno e a que não pode, vou falar também de recipientes de vidro com tampas (os famosos tupperwares/marinex de diversas marcas).

As travessas de louça que podem ir ao forno tem o fundo rugoso (ao tocar parece que você está tocando em uma parede de gesso). Algumas marcas têm fundo bem branquinho e outras tem o fundo de outra cor, sendo mais fácil diferenciar.

IMG_2208

As duas travessas de cima tem o fundo externo bem liso e brilhante, já as duas inferiores tem o fundo rugoso e com outro tom. (A última é uma travessa que tem um biquinhos aqui na foto ela não está muito clara que é para o forno, mas ao vivo dá para ver bem. Ao comparar as travessas em casa vocês vão perceber.)

Já os recipientes de vidro, que guardamos alimentos, tem  a informação na tampa plástica. Todas as informações sobre uso vem também dentro da embalagens quando compramos, mas a gente joga fora ao abrir, então é preciso se ligar nas descrições da tampa. De forma geral podem ir ao freezer, microondas e lava-louça. Os mais caros geralmente são os que podem ir ao forno. Não vejo muita necessidade, mas tem quem prefira.

IMG_2210 IMG_2211 IMG_2212 (1)

Algumas marcas colocam a informação por escrito outras na forma de desenho. Mas é fácil entender. 

Há também no mercado travessas de vidro sem tampas que compramos com a intenção de levá-las ao forno.  Nesse caso, sugiro você marcar bem quais são essas travessas, para depois você não colocar sem querer um bowl de salada de vidro no forno e acontecer um acidente e uma mega bagunça no seu forno.

Agora vai na sua cozinha e descobre tudo sobre suas travasses e recipientes. 

Ainda ficou com dúvida? Quer saber?

Não deixe de curtir e comentar. 

Share Button

Aprenda a dobrar roupa de ginástica e calça legging – TV Organizze

Imagem

Oi gente organizzada!

Mais um episodio do TV Organizze no ar! Hoje ensino como dobrar roupa de ginástica e calça legging. Afinal de contas, ter suas roupas de malhar organizadas é um estimulo a mais para se exercitar e ter hábitos mais saudáveis.

Se você gostou se inscreve no nosso canal TV Organizze, curte o nosso vídeo e emita sua opinião. 

Share Button

Novidades quentinhas saindo do “forno” – TV Organizze

Imagem

Oi gente organizzada!

Tenho muito prazer em anunciar que está no ar o TV Organizze. Depois de um longo caminho, algumas pedras no caminho nosso canal está finalmente no ar.

Para comemorar vou postar aqui pra vocês o primeiro vídeo. Esse é só o primeiro de muitos. Quero trazer muitas dicas úteis. Para isso, a opinião de vocês é fundamental. Digam sobre o que vocês querem saber e aprender. Alguns temas já foram gravados, mas sempre tem espaço para mais.

Share Button

Pais e filhos – todos juntos pela organização do lar

Imagem

Oi gente organizzada!

Muita gente pede dicas para organização de brinquedos. Encontro seguidores em festas de conhecidos e 80% dos pedidos são de dicas infantis. Então, agora o blog da Organizze vai trazer muitas dicas desse gênero.

É muito comum deixar a mercê dos pais a responsabilidade pela organização casa. Muitas vezes a culpa é dos próprios pais que ou não querem colocar esse tipo de “trabalho” para os filhos ou menosprezam a capacidade da criança ajudar.

Toda criança, mesmo pequenininha pode e deve ajudar na organização da rotina doméstica.Quando afirmo isso, não quero dizer que a criança agora será responsável por todas as tarefas da casa. Significa apenas, ir um pouco além de arrumar brinquedos e material escolar. Criança precisa estudar e brincar, mas um pouco de responsabilidade em casa é bom para o seu desenvolvimento.

De acordo com cada faixa etária, a criança consegue desempenhar atividades como por e tirar a mesa, colocar roupa suja no cesto, colocar roupa na máquina e até preparar lanches rápidos (quem já viu Júnior Master Chef sabe o potencial culinário que as crianças tem).

Por isso, hoje trouxe uma tabela bem legal desenvolvida pelo blog da Diiirce que mostra uma diversidade de tarefas que as crianças podem fazer para ajudar na organização doméstica.

 

ajuda-em-casa2

 

Agora que você sabe que todo o potencial do seu pequeno pode ser usado para te dá uma forcinha na organização da casa, que tal colocar em prática?!

Não esqueça emitir sua opinião nos comentários.

 

Share Button

Cabides do lado inverso!

Imagem

Oi organizzados! Nova temporada de posts.  Atendendo aos pedidos vamos trazer mais dicas de organização para crianças e também mostrar como manter a organização no dia-a-dia.

Hoje a dica é especial, e ainda vai te poupar uma boa grana.

Vocês sabiam que o cidadão comum usa apenas 20% do seu guarda-roupa? As razões para isso são em sua grande maioria as compras por impulso.  Compramos porque na loja a peça é linda, mas ao levar para casa, a peça permanece encostada num cabide ou numa gaveta.  Isso é muito mais comum do que pensamos. As vezes a peça fica folgada, apertada, não favorece o biótipo ou simplesmente não é estilo de quem a comprou.  Esses dados foram informados pelo CEO da California Closet ao The Wall Stree Journal, em abril de 2013.

article-1350447-01A73B5D000004B0-554_468x446

E depois de fuçar o armário inteiro, optamos sempre pelas mesmas peças. 

A solução é simplesmente refletir na hora de comprar, e só adquirir o produto quando ele ficou realmente perfeito e quando você precisa.  Em teoria isso é muito bonito, mas na prática é difícil de fazer. As promoções são tentadoras, as protagonistas das novelas usam (e nelas tudo fica lindo), e as vendedoras sempre dizem, “está maravilhoso em você”.

Hoje vou mostrar a Técnica do Cabide Invertido.  A ideia é criar um sistema que mostre para o dono (a) das peças exatamente o que ele/ela usa.  Assim, conseguimos ter dimensão da quantidade de roupas que compramos e não usamos. Conseguimos mensurar o quanto de dinheiro gastamos o em algo que não nos serve.

A técnica é muito simples basta inverter o gancho do cabide, colocando todos os ganchos com abertura virada para o lado de fora do armário.

images

Cabides dispostos na posição “correta” (gancho para dentro)

hangers

Cabides com gancho para fora (técnica do cabide invertido)

dsc_011212

Depois que você usar, a peça deve voltar para o cabide no sentido correto (gancho para dentro). Depois de 6 meses faça um levantamento. Tudo que ainda está com cabide invertido (gancho para fora) deve ser repassado.

Backwards-hangers

Durante o processo é assim que os seus cabides vão ficar, depois é só repassar os que nunca forem colocados na posição correta.

clothes-on-hangers

Dica: Para as peças que ficam dobradas em prateleiras ou gavetas basta colocá-las do avesso. Usou? Volta para o lado correto.

E ai, se identificou com a situação?

Diz para gente o que você pensa sobre esse tema.

Share Button

Novo lote de Dobre-Rápido com desconto!

Imagem

Oi gente organizzada!

Quem não gosta de um armário super organizado, como todas as peças dobradas do mesmo tamanho?

Para muita gente isso pode parecer impossível, mas não é. Apenas é preciso uma forcinha de um acessório bem simples, o dobre-rápido.

O dobre-rápido é um gabarito que auxilia na organização de closets e armários. Com ele é possível garantir a  camisas (masculinas) e blusas (femininas) o mesmo tamanho depois de dobradas. Essa padronização no tamanho é o que proporciona organização ao guarda-roupa.

A Organizze disponibiliza esse produto e acaba de chegar um novo lote com desconto. Conseguimos um bom acordo com o fabricante e os produtos estão mais baratos. O dobre-rápido está por R$ 32,00. 

Veja como funciona. 

 

 

Para garantir o seu do lote com desconto é só clicar na Loja Organizze (na parte superior do site) ou então acessar o link por aqui.

Agora que você já conhece, garanta o seu e compartilhe a novidade.

 

Share Button